Fecomércio defende aumento no quadro de peritos da Polícia Civil do DF

O presidente da Fecomércio, Adelmir Santana, recebeu na tarde desta sexta-feira (10), na sede da Federação, a visita dos integrantes da Comissão dos Aprovados no Concurso Público de Perito Criminal da Polícia Civil do DF. A comissão solicitou que a Federação apoie a convocação para o curso de formação de todos os aprovados na primeira etapa do concurso público em andamento. O objetivo é aumentar o efetivo para melhorar a segurança no comércio e nas ruas do Distrito Federal.

Adelmir com peritos da Civil-3Durante a reunião, Adelmir afirmou que a Fecomércio apoiará a reivindicação da comissão. A ideia é aumentar o número de convocados para o concurso de formação por meio da criação do banco de reserva com todos os aprovados. “É importante suprir parte da demanda de peritos no DF. A ideia de apoiar a comissão é para que todos os candidatos comprovadamente aptos possam efetivamente estar à disponibilidade da administração para suprir as tão carentes demandas de segurança pública existentes hoje no DF”, disse Adelmir.

Integrante da Comissão e perita criminal da Polícia Técnico Científica do Estado de Goiás, Joicy Queiroz, explica que a reivindicação servirá para atender a população e o comércio do DF. “Temos um concurso em andamento para Perito Criminal da PCDF, que prevê 20 vagas imediatas + 80 vagas para formação de cadastro reserva e o edital prevê a eliminação de todos que não estiverem nesses 100 classificados nessa etapa. Nosso apelo é para que todos os aprovados nas sete fases da primeira etapa sejam aprovados no curso de formação”, afirma Joicy Queiroz.

Também participaram da reunião o técnico judiciário do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), Ricardo Silva Cavadas, e o técnico jurídico da Procuradoria Geral do Distrito Federal, Bruno Cézar Gomes de Sá, que integram a comissão.