Distrito Federal fechou o ano com acréscimo no número de endividados, mas a projeção para 2019 é positiva

O número de famílias endividadas no Distrito Federal passou de 771.915 em novembro para 790.844 em dezembro de 2018, o que representa um acréscimo de mais de 18,9 mil famílias na comparação mensal. Significa que 81,3% das famílias brasilienses estão com algum tipo de dívida. É o que mostra a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), elaborada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e divulgada pela Fecomércio-DF. Quando comparado com o mesmo período de 2017, o índice também apresenta alta: em dezembro de 2017 eram 749,849 mil famílias endividadas.

O presidente da Fecomércio-DF, Francisco Maia, explica que apesar do endividamento ter crescido, as projeções para este ano são positivas. “As projeções para 2019 são otimistas, acreditamos que com a redução das taxas de juros haverá uma queda na inadimplência este ano”, diz o presidente da Fecomércio. Ele também comenta que este comportamento do fim de ano já era esperado. “Final do ano, com as festas e trocas de presentes, as famílias sempre gastam mais, principalmente pelo recebimento do 13º salário. A maioria dos brasilienses optou por quitar dívidas com o dinheiro extra até para contrair novos empréstimos. Com isso, o endividamento também aumentou”, informa.

O estudo mostra também que o cartão de crédito é o principal causador do endividamento dos brasilienses, apontado por 90,6% dos entrevistados como responsável pela maior fatia da dívida. Em seguida vem o financiamento de carro (29,1%); financiamento de casa (20,5%); cheque especial (10,4%); carnês (8,1%); e crédito consignado (8,2%). A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) foi realizada com uma amostra de 600 famílias. O estudo serve para orientar os empresários dos setores de comércio, serviços e turismo que utilizam o crédito como ferramenta estratégica para o incremento das vendas, uma vez que permite o acompanhamento do perfil de endividamento do consumidor e sua percepção em relação à capacidade de pagamento.

PEIC

A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) foi realizada com uma amostra de 600 famílias. O estudo serve para orientar os empresários dos setores de Comércio, Serviços e Turismo que utilizam o crédito como ferramenta estratégica para o incremento das vendas, uma vez que permite o acompanhamento do perfil de endividamento do consumidor e sua percepção em relação à capacidade de pagamento.