Dia dos Namorados deve movimentar R$ 1,65 bilhão no País

O Dia dos Namorados deve movimentar R$ 1,65 bilhão no comércio de todo o País, o que representa uma alta de 2,5% em volume de vendas, quando comparado com o ano passado. É o que diz estudo divulgado nesta terça-feira (6), pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). De acordo com a entidade, o segmento de vestuário e acessórios deve apresentar a maior alta, com R$ 564 milhões.

Materia principal

As lojas especializadas em itens de informática e comunicação também devem se destacar, com previsão de alta de 11,5% na comparação com 2016. Na opinião do economista da CNC, Fábio Bentes, o aumento de 2,5% esperado para a data não é um número tão elevado, mas quando comparado com os últimos dois anos é uma retomada no fôlego para o comércio.

“Em 2015 os comerciantes tiveram uma queda de 1,1% e em 2016 de 4,9%, se a expectativa de 2,5% para este ano for confirmada temos uma reversão do quadro de queda”, explica Fábio. “Entre os motivos para esta expectativa positiva é a inflação que está 4,8%, a menor dos últimos dez anos. Também temos a queda nas taxas de juros e o preço mais acessível do crédito para o consumidor, determinante para o consumo”, afirma Bentes.

A CNC acredita ainda que, na tentativa de atrair o consumidor, o varejo continuará investindo em liquidações, oferecendo linhas de produtos a preços mais atraentes, especialmente nos ramos de vestuário e itens de telefonia.